6.4.10

O preço da glória

A Horta faz de novo história ao tornar-se o primeiro blog scooterista do mundo a mostrar provas visuais do temido fenómeno espuma-do-banco-húmida-molha-calças-mesmo-em-tempo-seco. As ilustradas áreas afectadas, discretas no sentido matemático mas não no sentido social, são possíveis apenas devido à configuração mete-nojo do meu banco.

O fabricante informou-me que as tiras transalpinas tinham sido impermeabilizadas pelo interior, mas o efeito parece ter desaparecido. A partir daqui a sequência de eventos é conhecida: durante o Inverno o banco apanha chuva que é armazenada pela espuma interior, e na Primavera a humidade migra por osmose para as nádegas inocentes do piloto proporcionando uma rara oportunidade de partilhar a traseira das minhas calças com as centenas de utilizadores da internéte.

Custom scooter seat has drawbacks

É este o preço a pagar pela glória e pela admiração de amigos e estranhos, um rabo molhado. O desconforto físico transforma-se numa sensação vaga de superioridade e bem-estar artificial. Suponho que deverá ser isto que as mulheres sentem quando usam sapatos desconfortáveis para parecerem mais altas e elegantes...

E amanhã mostrar-vos-ei a mancha central de tonalidade castanha resultante do fenómeno palhaço-no-Audi-ultrapassou-à-tangente-sem-querer-sair-da-faixa-para-virar-logo-a-seguir.

Sem comentários: